Pregação preparada pelo Pr. Elso Venema

Leitura: Jeremias 28

Texto: Jeremias 28

Amados irmãos no Senhor Jesus Cristo,

O SENHOR Deus chamou Jeremias para ser um poderoso profeta perante as nações. Quando Deus o chamou, Jeremias era um jovem tímido. Mas Deus lhe disse: “Eu te constituo sobre as nações e sobre os reinos, para arrancares e derribares, para destruíres e arruinares, e também para edificares e para plantares” (Jeremias 1:10). Porém, no capítulo 28 não enxergamos nada disso. Nesse capítulo Jeremias parece mais um coitado. O SENHOR Deus tinha dito a ele: “Faça correias e uma canga e coloque-as ao pescoço. E envia também correias e cangas aos reis de Edom, ao rei de Moabe, e a outros reis, anunciando-lhes que todos aqueles povos irão ficar debaixo do jugo do rei da Babilônia” (Jeremias 27:1-7). Jeremias cumpriu esta ordem do SENHOR Deus. Ele pôs uma canga ao seu pescoço, mostrando ao povo de Deus que este continuaria servindo ao rei da Babilônia, o qual foi enviado por Deus para castigar seu povo. Ele também avisou aos diplomatas de Edom, Moabe e outros povos, que vieram à Jerusalém para fechar uma aliança política com o rei Zedequias contra o rei da Babilônia, que todos aqueles povos permaneceriam debaixo do jugo do rei da Babilônia. Assim Jeremias cumpriu a ordem do SENHOR, dirigindo-se às nações e reinos, confirmando a supremacia do rei da Babilônia, ao mesmo tempo confirmando o castigo de Deus sobre os pecados de seu povo.

Mas o que aconteceu? Outro profeta, chamado Hananias, se levantou e desafiou o profeta Jeremias! Esse profeta, Hananias, quebrou a canga que estava sobre o pescoço de Jeremias e falou, na presença de todo o povo: “Assim diz o SENHOR: Deste modo, dentro de dois anos, quebrarei o jugo do rei da Babilônia, de sobre o pescoço de todas as nações” (Jeremias 28:12). Ou seja, o profeta Hananias falou, em nome do SENHOR, uma mensagem totalmente contrária à mensagem de Jeremias. Jeremias disse: “Vocês continuarão servindo ao rei da Babilônia”. Hananias disse: “Isso não vai acontecer de modo algum! Dentro de dois anos vocês estarão libertos do domínio do rei da Babilônia”. Além do mais, o profeta Hananias deu uma demonstração de determinação e força. Ele falou em nome do SENHOR, na presença de todos e sem nenhuma hesitação. Ele contrariou e desmanchou abertamente as palavras do profeta Jeremias, e até mesmo arrancou a canga do pescoço dele e a quebrou. Como foi a reação de Jeremias, diante da demonstração de força e determinação de Hananias? A Bíblia relata que “Jeremias, o profeta, se foi, tomando o seu caminho” (Jeremias 28:11). Parece que Jeremias sentiu muito, e aceitou a derrota, calado. Parece que ele saiu abalado, cabisbaixo, machucado. O profeta que foi chamado pelo SENHOR Deus para ser um poderoso profeta, um profeta que abalaria nações e reinos, ficou de boca fechada. Ele não disse mais nada. Ele se retirou e parecia um coitado, um fracassado. Diante do show dado pelo profeta Hananias, que falou com a maior autoconfiança, profetizando um futuro glorioso para o povo de Deus, Jeremias parecia um palhaço.

Para compreendermos essa história melhor, precisamos saber um pouquinho mais sobre a situação em que o povo de Deus se encontrava. Naqueles dias, o poderoso rei da Babilônia tinha levado muitos cidadãos do povo de Deus cativos para a Babilônia. Em suas pregações, o profeta Jeremias tinha deixado bem claro que isso aconteceu em decorrência dos pecados do povo de Deus. Eles pecaram tanto, que o próprio SENHOR Deus entregou uma parte de seu povo para ser levada cativa para um país distante. Outra parte ficava para trás, em Judá. Então, a nação estava dividida: uma parte da população foi deportada, e outra parte ficou para trás. Era uma época de grandes tensões e incertezas. O país estava quebrado, arruinado. A economia estava parada. Naquela situação tão lamentável, Jeremias pregou a Palavra do SENHOR, e anunciou que o povo de Israel, como também os povos vizinhos (que tentavam fazer uma aliança contra o rei da Babilônia), ficariam debaixo do jugo do rei da Babilônia. Ou seja, Jeremias deixou bem claro que, por enquanto, nada mudaria. Esta pregação que Jeremias fez, em nome do SENHOR, deixou o povo como também os líderes espirituais do povo revoltados! Jeremias teve a ousadia de pregar uma mensagem ruim numa época ruim. Ele falou em pecado e castigo, como se a miséria enfrentada pelo povo não fosse suficiente. Todo o mundo ficou irritado com Jeremias. Todo o povo se ajuntou contra ele (Jeremias 26:9). Os líderes espirituais até queriam tirar-lhe a vida (Jeremias 26:16).

Foi nessa situação, onde todos já estavam revoltados com o profeta Jeremias, que outro profeta, chamado Hananias, se aproveitou e bateu de frente com o profeta Jeremias. Isto aconteceu na Casa do SENHOR (Jeremias28:1). Ou seja, o profeta Hananias atropelou o profeta Jeremias na presença de Deus! E não só isso! Hananias falou “em nome do SENHOR”! Ele disse: “Assim fala o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel”! Reparem só, irmãos! Jeremias tinha falado e agido em nome do SENHOR. Mas outro profeta se levanta e fala “em nome do SENHOR” para desmanchar a mensagem falada por Jeremias. Como é que pode? Quem desses dois tinha razão? Jeremias falou em nome do SENHOR. Todo o mundo ficou revoltado com ele, pois a mensagem não agradou. Depois veio outro profeta, Hananias, que também falou em nome do SENHOR. A mensagem de Hananias agradou muito, pois ele só falava em paz e futuro. Ele afirmou: Deus vai resgatar seu povo! A santa Casa de Deus e a santa Cidade de Deus, jamais serão destruídas! Hananias falou estas palavras na Casa do SENHOR, na presença do povo e dos sacerdotes. Para reforçar as suas palavras, Hananias arrancou a canga do pescoço de Jeremias e a quebrou.

Como foi a reação de Jeremias? Será que ele reagiu com força e determinação, dizendo: “Mentiroso! Não digas: assim diz o SENHOR, pois o que o SENHOR diz é o seguinte”? Será que Jeremias, que era um homem de Deus, respondeu com convicção e determinação? Reagir assim não era o dever dele? Observamos que Jeremias não fez nada disso. Ele reagiu, quando Hananias o atropelou, mas quando reagiu, ele nem falou em nome do SENHOR. Ele falou por conta própria, ironizando, dizendo as seguintes palavras: “Amém! Faça o SENHOR tudo que você está profetizando! Seria muito bom se acontecesse! Mas digo-lhe uma coisa: Todos os profetas anteriores, desde a antiguidade, profetizaram guerra, mal e peste. As palavras deles foram cumpridas, pois vejam como boa parte do povo foi levada cativa para um país distante. Agora, o profeta que profetizar paz, só ao cumprir-se a sua palavra, será conhecido como profeta, de fato, enviado do SENHOR” (Jeremias 28:8-10). Então, Jeremias respondeu a Hananias, quando este pregou que dentro de dois anos o povo será libertado do rei da Babilônia: Quero ver! É ver para crer! Essa foi a reação pessoal do profeta Jeremias. Ele não falou essas palavras em nome do SENHOR. O profeta Hananias falou em nome do SENHOR! Jeremias reagiu por conta própria. Foi naquele momento que Hananias deu uma demonstração de brutalidade e força. Ele arrancou a canga do pescoço de Jeremias e a quebrou. Jeremias se retirou, chorando por dentro, cabisbaixo, machucado.

O que devemos pensar dessa história, onde um profeta do SENHOR, que falou a Palavra do Senhor e cumpriu as suas ordens, passa vergonha e parece um coitado, um fracassado, um palhaço? O que devemos pensar de um pregador do SENHOR, que sai da cena, vaiado por todos? Tocamos neste momento num problema muito sério. É o problema que muitos que falam a verdadeira Palavra do SENHOR, que anunciam ao povo as suas transgressões, não recebem crédito algum. Outros, que gritam alto, que prometem curas, riquezas, prosperidade, paz e salvação para todo o mundo, são aplaudidos de pé. Qualquer pregador que fala com determinação em nome do SENHOR, falando em tom imperativo, ordenando a Deus que este faça sair caroços e tumores, recebe louvores. Todos acreditam, pois ele não falou “em nome do SENHOR”? Ele não falou com muita força e fé? Ele não falou coisas que precisávamos ouvir? Notamos que os verdadeiros profetas do SENHOR, homens como Moisés, Elias, Isaías, Jeremias e Ezequiel e tantos outros foram ameaçados, perseguidos e mortos. Quem acreditou neles? O mesmo aconteceu inclusive com o próprio Senhor Jesus, nosso maior Profeta e Mestre. Ele nunca gritou (Mateus 12:19). Ele ensinou e pregou a Palavra de Deus, de uma forma simples, honesta e direta (Mateus 5-7). Ele fez isso sem fazer show. Muitos ficaram impressionados, mas a grande maioria não acreditou nele. Todos sabem o que aconteceu com Jesus Cristo. Ele foi ameaçado, perseguido, e morto.

Precisamos distinguir entre duas coisas. Precisamos distinguir entre o pregador e a Palavra que ele prega. O pregador é uma coisa. A palavra pregada por ele é outra. O pregador pode ser muito poderoso e impressionante. Ele pode ser igual a Hananias, que bateu forte e deu um show de autoconfiança e determinação. Parece que a personalidade de Hananias era muito mais forte que a personalidade de Jeremias, que era uma pessoa sensível e até tímida (Jeremias 1:6). Porém, ter uma personalidade forte, não significa ser o dono da verdade! Reparem só o que Hananias falou. Ele falou que dentro de dois anos, o jugo do rei da Babilônia seria quebrado. Hananias falou isto com toda convicção “em nome do SENHOR”. Mas isto aconteceu? De jeito nenhum! O jugo do rei da Babilônia somente foi quebrado depois de setenta anos (Jeremias 29:10)! Então, é possível alguém ser um pregador muito empolgado, um pregador que fala poderosamente, fazendo promessas lindas, um pregador que arranca aplausos. Mas isto não quer dizer que ele é um pregador que fala a Palavra do SENHOR. Olhem o caso do profeta Jeremias. Ele era odiado, pois falava palavras que o povo não queria ouvir. Ele era um coitado, pois ele foi humilhado por Hananias. Ele se retirou, ferido e calado. Jeremias foi um fraco. Mas reparem! Observemos as palavras do profeta Jeremias. Ele recebeu a seguinte mensagem do SENHOR: “Vai e fala ao profeta Hananias: Assim diz o SENHOR: vocês continuarão servindo ao rei da Babilônia. Eu dei uma canga de madeira, mas agora vai ser uma canga de ferro. E você, Hananias, é mentiroso e enganou o povo: dentro de um ano morrerás”. O que aconteceu? Nem passaram dois meses, e Hananias caiu e morreu.

Tenhamos cautela, e não sejamos ignorantes. Os nossos olhos podem ver o pregador mais poderoso do mundo, mas isto não significa nada. Ninguém deve ficar impressionado com qualquer show, seja um show de gritaria, ou um show de milagres ou um show de lágrimas ou um show de mentiras. Também não devemos ficar impressionados quando o pregador só fala o que o povo quer ouvir: promessas de paz, promessas de bênção e promessas de milagres, curas e riquezas. Numa época de crise e desemprego, muitos se aproveitam, pregando prosperidade e bênçãos, enganando até multidões. A nossa época é também uma época muito propícia a isso. Os problemas financeiros, de saúde, de educação são extremamente graves para grande parte da população. Existe um clima de insegurança muito forte. Mas que o povo de Deus não se engane! Que o povo de Deus não seja ignorante, mas conheça a santa Bíblia! Importa ouvirmos a pura e verdadeira Palavra de Deus, a qual nos orienta sobre os nossos pecados e sobre as nossas transgressões. Importa ouvirmos a Palavra de Deus, que é soberano sobre as nações e os reis da terra. Importa ouvirmos a Palavra de Deus sobre a salvação que temos em Cristo Jesus, mediante a fé. Esta pregação da verdadeira Palavra de Deus é para aqueles que conhecem os seus pecados e as suas transgressões. Esta pregação da Palavra é para aqueles que amam Aquele que foi vaiado, expulso, torturado e morto na cruz e hoje vivo está. Ele, somente ele, e ninguém mais, veio para consertar a nossa vida. Por isso pregamos a Cristo crucificado, escândalo para os judeus e loucura para os gentios.

Para o mundo tal pregação é uma demonstração de fraqueza. Para o mundo tal pregação não vai mudar nada na sociedade. O que o mundo quer é outra coisa: todos querem ouvir promessas lindas, seja de políticos, seja de pastores. Todos querem pregação de riquezas, pregação de milagres, pregação de curas. Qualquer engano é bem vindo, desde que seja doce. A nossa pregação é diferente. Nós não prometemos milagres. Nós não pregamos prosperidade e riquezas. A nossa pregação é a mesma do profeta Jeremias, que foi humilhado e perseguido. A nossa pregação é a mesma do apóstolo Paulo, que pregou com fraqueza, temor e muito tremor (1Coríntios 2:3). Pregamos a Cristo. Pregamos aquele que morreu por todos nós. É a pregação mais fraca que existe. É a mensagem mais difícil de entender. É a mensagem mais difícil de aceitar. Mas esta mensagem é verdadeira. Ela nos traz Cristo, o poder de Deus. Ela nos leva ao arrependimento para o perdão dos nossos muitos pecados. Esta mensagem é desprezada por muitos. Esta mensagem é um osso duro de roer. Pois quem quer ouvir alguém anunciando os seus pecados? Quem quer ouvir de pecados numa época em que muitos vivem estressados por causa de milhares e milhares de dificuldades e incertezas? Mas esta é a mensagem que pregamos. É a mensagem da Palavra de Deus. Esta mensagem mostra todas as nossas fraquezas e falhas. Mas é a mensagem da salvação, pois ela nos leva à cruz de Cristo, escândalo para os judeus, loucura para os gentios, mas poder de Deus para todos que foram chamados para a eterna glória.

Amém.

___________________________________________________________________________________________________

* Exceto onde o contrário esteja explícito, todos os conteúdos deste site estão licenciados sob uma Licença Creative Commons “Atribuição – Não Comercial – Sem Derivados 3.0 Não Adaptada“.

Compartilhe!

9 Thoughts to “Jeremias 28”

  1. Zuleide Alves

    Maravilhosa explicação.

  2. Viviane

    Maravilha essa é a mensagem da verdade porque Jesus está voltando……Deus ti abençoe

  3. Railane

    Maravilhosa palavra!

  4. osvaldo tavares

    palavra abençoada Pastor. Serviu para o Senhor confirmar algo no meu coração para a direção que ele vai dar para a nossa nação e sua igreja para o ano de 2019. Deus abençoe.

  5. Margareth Santos

    Estudo maravilhoso que Deus continue abençoando sua vida

  6. Rosane

    Maravilha de pregação o livro de jeremias é lindo um verdadeiro profeta do Senhor

  7. João Cunha

    No mundo em que o povo está em desespero com tantas dificuldades e incertezas ouvimos poucas pregações lucidas que transmita realmente os que os profetas deixaram escrito como testemunha de seus ministérios, o povo hoje clama pela pregação de prosperidade e salvação ocultando suas fraquezas e transgressões, mesmo que esta seja mentirosa e enganosa. Muito coerente e edificante sua pregação, que Deus continue abençoando-o!

  8. Jose

    Esta é a verdadeira mensagem para os nossos dias!

  9. Ronivan conrado

    Deus continue te abençoando pastor

Deixe um Comentário