Sermão preparado pelo pastor Lucio Manoel
Leitura: Atos 2.37-41
Texto: Dia do Senhor 26

Amada Igreja do Senhor Jesus Cristo

Neste domingo 26 do Catecismo de Heidelberg, aprendemos sobre a promessa maravilhosa que Deus faz ao Seu povo: Ele promete o perdão dos pecados em Jesus Cristo. Ele também dá um sinal que aponta e ensina sobre esta promessa: O batismo com água. O batismo com água também serve como selo ou garantia da promessa de perdão dos pecados.

Como é que o batismo com água pode apontar, ensinar e garantir que seus pecados são perdoados por Cristo? Tem alguma propriedade especial nesta água, que indica isso? Dá para descobrir o que esta água tem de especial fazendo um exame no laboratório?

Tem muita coisa no mundo que pode ser descoberta num exame de laboratório. Por exemplo, a água que você bebe em casa. Se você levar uma amostra da água para um laboratório. O resultado do exame vai dizer se você está bebendo uma água de qualidade ou não.

Será que pode ser feita a mesma coisa com a água do batismo? Claro que não!

Não adianta você levar a água do batismo para um laboratório e fazer um exame nela, para verificar se a água tem algum elemento estranho que contenha poder sobrenatural para perdoar pecados.

A água em si não tem nenhum poder mágico para purificar pecados. Somente o sangue de Cristo e o Espírito Santo fazem isso. Outra coisa, não é num laboratório que você vai aprender sobre o valor do batismo para apontar, ensinar e confirmar a promessa de perdão de pecado, é na Bíblia.

Então, ouça a pregação do evangelho com o seguinte tema: Cristo dá a você o batismo e junto com ele uma promessa maravilhosa: o perdão dos pecados

A Palavra de Deus diz em Mateus 28.19 “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;“.

O batismo não é uma invenção do homem, nem da igreja. O batismo cristão é uma ordenança do próprio Senhor Jesus para o povo de Deus em todo mundo. João já realizava um batismo que falava de Cristo, mas o batismo de João não tinha a obra de Cristo completa, incluindo sua morte e ressurreição. Somente, depois da ressurreição de Jesus, a igreja começa a praticar o batismo como o Senhor ordenou: em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.

Nesta passagem, o Senhor Jesus institui o batismo como a cerimônia que marca o ingresso do pecador arrependido na comunidade do povo de Deus. Em todos os lugares, os pecadores arrependidos recebem o batismo e são recebidos como membros do corpo de Cristo, isto é, como membros da igreja.

O Senhor usa o batismo com água porque a água possui um simbolismo simples, mas poderoso para ensinar às pessoas sobre limpeza. Todo mundo faz uso de água para lavar alguma coisas que está suja. É fácil compreender que jogar água sobre alguma coisas ou sobre alguém serve para lavar a sujeira.

O uso da água na cerimônia do batismo, portanto, serve para ensinar que as pessoas estão sujas. Porém, esta sujeira não é física – senão seria necessária muita água para limpar, mas trata-se de sujeira espiritual. Todas as pessoas estão espiritualmente sujas, impuras. Todas as pessoas são pecadoras. Elas precisam ser limpas do seu pecado.

O batismo, portanto, aponta para a obra de purificação dos pecados que Cristo está realizando dentro dos crentes. O batismo é um acontecimento externo, é um lavar com água, visivelmente, que serve para apontar para um acontecimento interno, invisível, a purificação dos pecados dos crentes.

Então, o batismo cristão não é um ritual vazio. Nem é um mero sinal para indicar quem faz parte da igreja e quem não faz. O batismo inclui a promessa de purificação dos pecados.

Como Cristo opera a lavagem dos pecados? O Senhor prometeu lavar os pecados com seu sangue e Espírito. O sangue ensina sobre o sacrifício de Cristo na Cruz. A morte de Jesus é o único pagamentos pelos pecados dos homens. Aquele sangue puro derramado na cruz limpa completamente o pecador que se arrepende e crê.

Por isso lemos em Marcos 16.16 “Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crê será condenado”. Portanto, a promessa de salvação é para o que crê.

O Senhor lava os pecados com Seu sangue, mas Ele também fala que lava os pecados “com o Seu Espírito”. Isso ensina sobre a obra que o Espírito Santo faz no crente. O Espírito Santo é quem opera essa lavagem com o sangue de Cristo, removendo o pecado, purificando o que antes estava imundo.

E o Espírito Santo continua trabalhando no crente depois dessa purificação inicial. Ele preserva o crente nessa purificação e leva o crente a experimentar mais e mais os frutos desta purificação em sua vida.

O resultado dessa purificação do Espírito Santo na vida do pecador crente é que os vícios da sua velha natureza vão diminuindo dia após dia: ele deixa de ter prazer nas coisas erradas, e passa a odiá-las;

Do outro lado, as boas obras da nova vida aumentam: santidade, obediência aos mandamentos de Deus; prazer nas coisas espirituais; etc.

O batismo é um símbolo vivo e poderoso porque aponta para esta obra que o sangue de Cristo e o Espírito Santo estão realizando no crente. O batismo não é algo vazio de maneira nenhuma.

Além disso, faz muita diferença se você se batiza ou não. O batismo aponta para o sangue de Cristo. Se você crê que o sangue de Cristo lava os pecados, você vai querer ser lavado dos seus pecados; você vai dizer: “eu quero ser batizado (a).”

O batismo aponta para a Obra do Espírito Santo renovando o crente. Se você crer nessa obra do Espírito Santo você vai dizer: “eu quero ser batizado (a)”.

É estranho se alguém está visitando a igreja faz muito tempo e não quer se batizar. Nesse caso, ou se trata de uma pessoa não convertida ou essa pessoa não entende a ordenança de Cristo para se batizar.

No primeiro caso, se alguém visita a igreja, mas não crê em Cristo de verdade, realmente não deve ser batizada. Porque o batismo é sinal e selo da promessa de perdão dos pecados para os crentes.

Mas, se alguém visita a igreja faz tempo, mas ainda não entende porque deve se batizar, ouça a seguinte passagem de Atos 2.38-39,41 “Ouvindo eles estas coisas, compungiu-se-lhes o coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: que faremos, irmãos? Respondeu-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para a remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo … Então, os que lhe aceitaram a palavra for batizados, havendo um acréscimo naquele dia de quase três mil pessoas“.

Nesta passagem, as pessoas que ouviram a pregação de Pedro e creram em Cristo perguntaram aos apóstolos: “que faremos, irmãos?“. A fé produz um interesse pela Palavra de Deus. A fé no coração do crente o leva a desejar a Deus e a obedecer os seus mandamentos.

Nesta mesma passagem, a resposta da Escritura foi a seguinte:

1) “arrependei-vos” (que também inclui crer). Para ser um fiel servo de Jesus Cristo, o pecador tem de se arrepender e crer. Uma pessoa não é um cristão verdadeiro se ele não se arrepende e crê em Jesus Cristo como Salvador, como o Filho de Deus.

2) “e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo;”. O que a Palavra de Deus está dizendo é que, depois de se arrepender e crer, o passo seguinte é submeter-se ao mandamento de Cristo e ser batizado.

Você pode notar que fé e compromisso estão juntos, aqui. Você se arrepende e crê, mas também obedece.

O final do verso 38 mostra o resultado dessa combinação de fé e responsabilidade. A Palavra de Deus diz “para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo”.

Aquele que se arrepende de verdade, aquele que crê no Senhor Jesus, aquele que recebe o batismo, ele recebe perdão de pecados e o dom do Espírito Santo. Ninguém merece esses presentes espirituais, mas Deus faz isso por causa da sua graça. Ele perdoa o pecador por pura graça.

Você não pode receber a graça de se arrepender e crer em Jesus Cristo e decidir por não se batizar. Crer é palavra irmã de obedecer. Se você diz que crê e decide não obedecer ao mandamento de Cristo para se batizar, você não crê em Cristo de verdade e você não ama a Cristo de verdade.

Porque quem crê em Cristo obedece-O. O Senhor ensinou essa lição aos seus discípulos em João 14.21 “Aquele que tem os Meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama”. Mais adiante Ele disso “Se alguém me ama, guarda a minha palavra” e ainda “Quem não me ama não guarda as minhas palavras”.

Se você está sinceramente arrependido; se você crê de verdade em Jesus Cristo como seu Senhor, como seu salvador; você vai mostrar que é este crente fiel obedecendo ao mandamento de Cristo para se batizar.

Mas, a maioria de Vocês já é batizado ou batizada. Neste caso, o batismo é uma coisa que ficou para trás? O Batismo serve apenas para lembrar o dia quando você foi recebido como membro da igreja de Cristo?

Pense no seu batismo, agora. O que o seu batismo diz para você, agora? Ele diz o seguinte:
1) Deus o Pai fez uma aliança de graça com você e adotou você como filho;
2) Deus o Filho une você a Ele por meio de sua morte e ressurreição e também lava os teus pecados por Seu sangue;
3) Deus o Espírito Santo vem habitar em você e purifica você com o sangue de Cristo e renova a sua vida diariamente.

É muito importante você saber disso. Você precisa ter o significado do batismo o tempo todo em sua mente. Algumas famílias têm um quadro em casa que serve para lembrar o batismo. Por que é importante pensar no batismo? Porque você vai precisar lembrar da mensagem do batismo muitas vezes no dia.

Pense no que você faz depois de um dia de trabalho, andando de um lado para outro, movendo-se para cá e para lá, sujando-se e suando. O que você faz quando chega em casa? Você corre para tomar aquele banho e se livrar da sujeira e do suor do corpo. Não é verdade?

Se você sabe que precisa de um bom banho para se livrar do suor e da sujeira, muito mais você sabe que precisa do sangue de Cristo e do Espírito Santo para lavar os seus pecados.

Você precisa se lembrar disso todos os dias. Porque você peca todos os dias, não é. Até várias vezes no dia! Cada vez que você errar, cada vez que você cair em pecado, você precisa lembrar-se do seu batismo e da promessa que Deus fez a você no batismo: o sangue de Cristo e o Espírito Santo me purificam do pecado.

Meus amados irmãos, o seu batismo carrega essa promessa poderosa de perdão de pecados. Mas, lembre-se que o poder para o perdão dos pecados não está na água do batismo.

Nenhum exame de laboratório vai encontrar nada de especial na água do batismo. Mas aquilo que o laboratório não pode descobrir, a Bíblia revela. A Palavra de Deus ensina, aponta e garante a você, que por meio da água do batismo, Cristo promete lavar seus pecados com seu sangue e Espírito Santo. Amém.

___________________________________________________________________________________________________

* Exceto onde o contrário esteja explícito, todos os conteúdos deste site estão licenciados sob uma Licença Creative Commons “Atribuição – Não Comercial – Sem Derivados 3.0 Não Adaptada“.

** Este sermão foi originalmente escrito para uso do pastor e não passou por correção ortográfica ou gramatical.

Compartilhe!

Pr. Lucio Manoel

Lucio Manoel é pastor missionário da Igreja Reformada de Maceió, Bel. em Divindade pelo Instituto João Calvino, em Recife/PE. Lucio Manoel é colaborador do Projeto Dordt-Brasil.