Pregação preparada pelo Pr. Abram de Graaf

Leitura: 1ª Coríntios 15:19-28

Texto: Atos 01:03

Estamos vivendo entre a páscoa e o dia em que nós nos lembramos da ascensão de Cristo.

Nós estamos lembrando estes fatos porque são muito importantes para a igreja de Cristo. Foram muito importantes para a fé dos alunos naquele momento, mas não só naquele momento. Cada geração deve saber o que aconteceu com Jesus Cristo. Cada geração deve saber que ele morreu na cruz. Que ele foi sepultado e depois de três dias ressurgiu dos mortos. Isso aconteceu no dia de páscoa. Nós lembramos isso faz duas semanas. E depois? Depois da sua ressurreição? O que Cristo fez depois?

Sim, ele subiu ao céu! Mas isso foi 40 dias depois da ressurreição. O que ele fez durante estes 40 dias?

Lucas escreve sobre isso e diz em Atos 01:03: “Depois de ter padecido, ele se apresentou vivo, com muitas provas incontestáveis, aparecendo-lhes durante quarenta dias e falando das coisas concernentes AO REINO DE DEUS”. APARECENDO e FALANDO das coisas concernentes AO REINO DE DEUS. Estas duas coisas dominaram a vida dele naquela época. APARECENDO e FALANDO das coisas concernentes

AO REINO DE DEUS.

Agora uma pergunta: o que vocês sabem sobre o REINO DE DEUS?

Sobre o que Jesus estava falando durante essas 6 semanas. Quem sabe? Foram as últimas 6 semanas de Jesus junto com os seus alunos aqui na terra. Os últimos ensinos. É como falar as últimas palavras antes de uma despedida. Num tal momento as pessoas só dizem as coisas mais importantes.

Jesus fez duas coisas: APARECENDO e FALANDO das coisas concernentes AO REINO DE DEUS. De uma ou outra maneira essas duas coisas estão ligadas uma com a outra. Vou tentar explicar isso.

Primeiro, quero dizer alguma coisa sobre o reino de Deus.

Jesus falou muito sobre este assunto. Quem lê os evangelhos vai descobrir isso. Por exemplo, em Lucas 4,43. Lá Jesus diz: “É necessário que eu anuncie o evangelho DO REINO DE DEUS também às outras cidades, pois para isso é que fui enviado”. Então, isso foi o alvo de Jesus: pregando e mostrando O REINO DE DEUS ao povo de Israel em primeiro lugar, mas também ao mundo.

E como Ele fez isso? Já disse: PREGANDO. Em todo canto Jesus sempre estava dizendo: O Reino de Deus está perto. Bem perto de vocês! O reino de Deus estava se aproximando pela pessoa de Cristo mesmo! Em Jesus Cristo estava o poder de Deus!!! Ele publicou as coisas sobre o reino de Deus que foram ocultas desde a criação do mundo. Antes ninguém sabia, mas agora Jesus revela essas coisas ocultas. Antes ninguém podia, mas Jesus pode, porque Ele vem do céu e conhece o reino de Deus e o plano de Deus.

E… Ele tem o poder de Deus! As pessoas podiam ver isso. Pois Jesus não só pregava, mas Ele também fazia muitos milagres. Ele curava as pessoas com doenças. Doenças pequenas: dor de cabeça, mas também doenças fortes: leprosos, paralíticos, cegos, surdos, e até pessoas que estavam mortas. Pessoas que nenhum médico podia curar mais. Mas Jesus fez. Ele fez para mostrar o poder dele. Para mostrar que Ele foi realmente enviado por Deus. Que Ele foi realmente o príncipe do reino de Deus: o Messias.

Mas o Messias morreu e parecia que tudo foi mentira. Parecia, mas não era mentira. Jesus guardou a prova mais forte do seu poder até o ultimo momento. Ele morreu e foi sepultado, esteve três dias no sepulcro. Foi no reino dos mortos, na influencia destrutiva da morte. Ninguém pode sair de lá para cá. Quem morre não volta mais. O homem mais forte do mundo não pode voltar. Até Mr. “M” não pode voltar. Ele pode sair dos cofres trancados, mas não pode sair do seu último cofre sem tranca nem fechadura. Quem morre, não volta. Pois somos pó e ao pó tornaremos.

Por isso foi um milagre enorme quando os discípulos no dia de Páscoa encontraram Jesus. Não estava morto, mais VIVO! Ele quebrou correntes da morte! Ele é mais forte do que o reino da morte! A vitória é dele!

Jesus estava lá mostrando o poder enorme e a glória eterna do reino de Deus. Depois da Páscoa Ele não precisava dizer muito mais. A aparência d’Ele já disse bastante. Foi uma aparência do reino de Deus. O brilho real estava em redor d’Ele. Um corpo incorrupto, com glória e poder. Nenhuma veste real pode se comparar com isso. Foi o mesmo Jesus, mas a aparência d’Ele foi diferente: celestial, real.

Durante esses quarentas dias os discípulos viam o seu rei. Eles viam com seus próprios olhos que Jesus recebeu toda autoridade. No fim do evangelho de Mateus (28:18) podemos ler isso. Lá Jesus diz: “Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra”. Ele é o rei da criação; rei do universo, rei do céu. Ele é e Ele quer que todo mundo e cada geração saiba disso. Por isso Ele mandou os seus apóstolos no mundo para proclamar: JESUS É REI. E ele mandou os seus apóstolos para sujeitar todas as nações, marcar todas as pessoas que aceitam Cristo como rei com a marca própria do reino de Deus: a marca de água. Marcar todas os homens com as suas casas. E depois os ensina a guardar todas as coisas que Jesus os tem ordenado. Esta é a tática do reino de Deus. O plano para conquistar o mundo. E Jesus vai ajudar com isso. Ele promete isso: “Estou convosco todos os dias até à consumação do século”. Então. Não só com os apóstolos, mas depois também: “todos os dias” “até à consumação do século”. Até o fim do mundo.

Cristo falou sobre essas coisas com os seus discípulos nestas últimas semanas. São as coisas do reino de Deus.

O plano para conquistar o mundo: primeiro Jerusalém, depois Samaria e finalmente até o fim do mundo. Os mensageiros do reino de Deus: os apóstolos, os evangelistas, os pastores, presbíteros e diáconos; Sobre o caráter da guerra: não uma guerra com armas, mas uma guerra ESPIRITUAL, por isso os apóstolos devem esperar em Jerusalém até o momento que o próprio Espirito de Deus vai chegar para guiar os apóstolos até as fronteiras. Até aos confins da terra. Isso também quer dizer: até o Brasil.

Jesus está dirigindo o seu Espirito para aqui; ele manda missionários para proclamar O REINO DE DEUS; Para proclamar que JESUS É REI. No céu e na terra, e também nas suas vida, irmãos? Cristo é o seu rei? A palavra dele é o seu mandamento. Cristo é rei em toda nossa vida? Hoje estás obedecendo a Cristo e indo para a sua igreja. Mas amanhã? Amanhã estarás obedecendo a Cristo também? Cuidando das suas criancinhas, procurando trabalho, obedecendo e respeitando os seus pais, ajudando o seu próximo, que está doente: pode ser a sua filha, o seu neto, o seu irmão. Ou achamos isso mordomia? Jesus é rei! Ele nos chama para a sua igreja, para pregar a sua palavra, para ouvir a sua voz. Se o rei nos chamar, nós podemos negar? Podemos ficar em casa, podemos ir trabalhar? Deves ser bem importante para negar o convite do rei Jesus. Não é?

Devemos nos perguntar: o que é mais importante na minha vida: O REINO DE DEUS ou O MEU PRÓPRIO REININHO. Há pessoas que investem bastante tempo para construir o seu próprio reininho, e que quase não têm tempo para ajudar construir o reino de Deus aqui na terra. Uma tal pessoa não tem confiança em Cristo. Cristo disse: “Portanto, não vos inquietes, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou com que nos vestiremos? Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, O SEU REINO E A SUA JUSTIÇA e todas estas coisas vos serão acrescentadas”. Crêem nisso, irmãos? Então FAÇA!

Amém.

___________________________________________________________________________________________________

* Exceto onde o contrário esteja explícito, todos os conteúdos deste site estão licenciados sob uma Licença Creative Commons “Atribuição – Não Comercial – Sem Derivados 3.0 Não Adaptada“.

** Este sermão foi originalmente escrito para uso do pastor e não passou por correção ortográfica ou gramatical.

Compartilhe!

Pr. Abram de Graaf

O pastor Abram de Graaf é “Doctorandus” (Drs) em Teologia e um dos professores do Instituto João Calvino (Aldeia, Camaragibe-PE). Ele é pastor da Igreja Reformada de Hamilton, Canadá, enviado como missionário às Igrejas Reformadas do Brasil, desde o ano 2000. É Diretor do Projeto Dordt-Brasil. Ele mora em Maceió e também desenvolve projetos nessa cidade.

Deixe um Comentário