Pregação preparada pelo Pr. Abram de Graaf

Leitura: João 18:33 – 19:15

texto: Atos 01:01-10; Mateus 28:18

 

Queridos irmãos em Cristo Jesus,

Crer é ter Jesus Cristo como Rei.

A ascensão de Jesus Cristo está ligada com isso.
Jesus Cristo subiu ao céu e está assentado a direita de Deus Pai, o Todo Poderoso!
Vocês acreditam nisso? Vocês realmente acreditam nisso?
Não somente ali (na cabeça), mas também aqui (no coração)!
Vocês aceitam Jesus Cristo como rei na sua vida?
O que isso quer dizer?

Cristo é rei.

Se eu digito essas palavras na tela do meu computador para pesquisar no Google o que isso quer dizer, O Google me mostrará o estatua “Cristo é Rei”, que está perto da cidade de Lisboa em Portugal.
Milhares de pessoas já visitaram este lugar, que se tornou um ponto turístico.
Milhares de pessoas querem ver o “Cristo é Rei”, mas será que elas também aceitam Cristo como Rei na sua vida? O que isso significa ter Jesus Cristo como Rei?
Isso significa no primeiro lugar: adoração e respeito
Cristo está assentado a direita de Deus Pai, o todo poderoso!
Toda a autoridade lhe foi dado no céu e na terra.
Os discípulos o adoraram quando ouviram isso (Mt 28,17) e o serviram (Mt 28,19)
Isso significa no segundo lugar: submissão
Se Cristo é o nosso Rei, nós somos os seus servos!
Isso significa no terceiro lugar: obediência
Os servos devem obedecer à palavra do rei;
Se ele diz: Vamos, nós temos que ir.
Se ele diz: Venhamos, nós temos que vir.

Cristo é rei.
Muitas pessoas gostam dessa ideia, porque querem que Cristo as ajude.
Elas aceitam Jesus como rei, enquanto ele faz o que elas querem.
E se ele não o fará, elas o rejeitam como rejeitam qualquer político.

A história de Jesus já mostra isso.

No final da sua vida: uma semana antes da festa da Páscoa, chegou Jesus em Jerusalém. Ele entrou em Jerusalém assentado num jumentinho. As pessoas observando isso, logo se lembraram da palavra do profeta Isaías, que disse:
“Eis aí te vem o teu Rei, humilde,montado em jumento”

O povo, observando isso, estendeu as suas vestes pelo caminho, e outros cortaram ramos de árvores, espelhando os pela estrada. E quando Jesus passou, todos clamavam: Hosana ao filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas maiores alturas! O povo de Israel estava feliz, porque pensava que Jesus ia ajudá-lo; o povo esperava que Jesus ia libertá-lo dos seus inimigos: dos Romanos.

Mas o que Jesus fez! Jesus não fez isso! Em vez de libertá-los dos Romanos, ele foi para o lugar mais santo da sua religião; ele foi para o templo e o purificou. Fazendo isso, ele irritou os Sacerdotes e os Fariseus, que logo começaram a fazer planos para matá-lo; O rei Jesus não fez o que o povo queria e logo se tornou uma pedra de tropeço. O povo não gostou mais dele e o rejeitou.

Em alguns dias mudou a atmosfera em Jerusalém. A entrada triunfal foi esquecida. Cristo era Rei! Era! Os lideres fizeram os seus planos, prenderam Jesus antes da sexta feira santa, o condenaram para a morte e o levaram para o governador Pilato para que ele o condenasse e executasse. Lemos sobre essa história em João 18, 33etc. [leitura!]

Prestam atenção: Pilatos perguntou: “Es tu Rei dos Judeus?”

Os soldados zombaram de Jesus, colocaram uma coroa de espinhos (slide 2) na cabeça dele e disseram: “Salve, rei dos Judeus” . Finalmente Pilato o apresentou ao povo dizendo: “Eis aqui o vosso rei!”. Mas o povo rejeitou Jesus e até disse: Fora! Fora! Crucifica-o! E os lideres dos Judeus disseram: Não temos rei, senão César! Depois disso, Jesus foi levado para ser crucificado e em cima dele Pilato colocou uma placa com as letras INRI. Essa abreviação quer dizer: Iesu(a) Nazarenus Rex Iudaeorum, “Jesus Nazareno Rei dos Judeus”.

Cristo é rei
Já perguntei algumas vezes: o que isso significa?

Agora, fica claro que os Judeus não aceitaram Jesus como Rei. Eles não aceitaram o ensino de Jesus; eles não aceitaram a palavra de Jesus; eles não aceitaram Jesus como líder, como rei, que manda na sua vida e transforma a sua vida. Eles preferiam o Imperador ímpio de Roma em vez do Rei Santo, que veio de Deus.

Isso já mostra como é difícil aceitar Jesus como Rei.

Muitas pessoas não aceitam Jesus como Rei.
Elas prefiram a sua liberdade e não querem um compromisso.
Elas não querem que Jesus mande em sua vida;
Elas não querem seguir Jesus; Elas não querem uma vida cristã.
Muitas pessoas não querem obedecer a Jesus;
Jesus tem que obedecer a elas!
O homem quer ser o próprio rei.
Ele manda e Jesus tem que obedecer!
Jesus tem que executar o que o homem quer realizar.
Muitas pessoas pensam assim!
Mas o governo de Jesus não é assim!
Ele não veio para executar a agenda dos homens!
Ele veio para cumprir o plano de Deus: para salvar os filhos de Deus.
Jesus mesmo já disse isso ao Pilato: O meu reino não é deste mundo! Se o meu Reino fosse deste mundo, os meus ministros se empenhariam por mim, para que não fosse eu entregue aos Judeus; mas agora o meu Reino não é daqui.

O Reino de Cristo não é deste mundo. O Reino de Cristo é o Reino de Deus.
Cristo não veio para ser um Rei como os reis do mundo.
Ele não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos.
Jesus disse isso aos seus discípulos (Mt. 20,28) que estavam se preparando para ser governadores do Reino de Cristo. Mas Cristo os ensinou que não veio para ser servido, mas para servir e eles deviam seguir o mesmo caminho: se preparar para servir.

Mais uma vez: Parece que isso é uma coisa muito difícil.

O homem não quer servir; ele quer ser servido! Ele quer ser rei!

Rei da casa, rei da empresa, rei da rua, rei do bairro, rei da cidade, rei do estado, rei do país; O homem goste de ser servido e não gosta de servir.

Os próprios discípulos mostraram isso. Jesus os ensinou varias vezes o que isso significaria para eles. Ele disse: não veio para ser servido, mas para servir; para dar a minha vida em resgate por muitos! O meu reino não é deste mundo; o meu reino é dos céus.

Jesus falou sobre isso antes da sua morte e depois da sua morte, durante as 7 semanas antes da sua ascensão.

Atos 1,3 diz: A estes também,depois de ter padecido, se apresentou vivo,com muitas provas incontestáveis, aparecendo-lhes durante quarenta dias e falando das coisas concernentes ao reino de Deus!

Os discípulos entenderam as palavras de Jesus, mas não tudo, porque em Atos 1,6 eles perguntaram: Senhor, será este o tempo em que restaures o Reino a Israel?
Quando leio essas palavras, me perguntei: será que eles entenderam o ensino de Jesus? Parece que ainda estavam presos na ideia que o reino de Jesus seria deste mundo! Mas não é! A resposta de Jesus mostra isso. Ele disse: Não vos compete conhecer tempos ou épocas que o Pai reservou pela sua exclusiva autoridade; mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até aos confins da terra.
Até aos confins da terra: Isso combina com a palavra, que Jesus disse antes da sua ascensão: Toda a autoridade me foi dado no céu e na terra!

Cristo é Rei. Isso quer dizer: Toda a autoridade lhe foi dado no céu e na terra.
Assim é a verdade e os discípulos descobrirão isso.
Toda a autoridade lhe foi dado no céu e na terra.
Primeiro no céu! Ele está sentado a direito de Deus Pai.
Toda a autoridade lhe foi dado no céu e na terra.

Os discípulos descobriram isso no dia de Pentecostes, dez dias depois do dia da Ascenção! Eles descobriram a autoridade de Jesus por que ele enviou o Espírito de Deus sobre eles.

Toda a autoridade lhe foi dado no céu e na terra!

Cristo é Rei! Até o Espírito de Deus o obedece e serve!

Cristo é Rei. Ele cumpriu a sua promessa: recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo. , e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até aos confins da terra.

Cristo é Rei e por meio do seu Espírito Santo ele transformou os discípulos em seus servos, em suas testemunhas; eles deviam proclamar o Reino de Deus, o Reino de Cristo ao todo mundo: , começando em Jerusalém, depois em toda a Judéia e Samaria e finalmente até aos confins da terra.Todo mundo devia saber; e todo mundo deve crer. Como já disse no início: CRER é TER Jesus Cristo como Rei.

Todo mundo deve se submeter a Jesus, seguir Jesus e servir a Jesus.

Assim vamos ver que Jesus Cristo é Rei; que ele tem autoridade no céu e na terra.

Os apóstolos pregaram o evangelho com muito poder e muitas milagres.

Mostrando ao mundo que Jesus Cristo tem poder! Assim eles conquistaram o coração das pessoas; assim conquistaram o mundo. Judeus em Jerusalém; Judeus em Judéia; Samaritanos e os Gentios. Jesus os ajudou com seu poder; o livro dos Atos dos Apóstolos fala sobre isso. È o livro que fala sobre a conquista do mundo; fala sobre o poder do Reino de Deus. Cristo enviou os seus apóstolos. 12 homens. Eles conquistaram o mundo pelo poder do Espírito Santo. Jesus conquistou o coração de Paulo e o transformou em seu servo. Paulo vez muitas viagens e finalmente chegou em Roma,o coração do Império Romano.

O Evangelho conquistou Roma, Europa e todos os continentes. Até aos confins da terra! Cristo conquistou o coração de muitas pessoas; Elas se deixam governar por Cristo, por sua palavra; elas confiam em Cristo Jesus, que transforma a sua vida com seu poder e seu Espírito santo; Nós também amamos Jesus. Ele é o nosso Rei e vivemos com a esperança que um dia Cristo vai voltar com poder e glória para estabelecer o seu reino. Não somente nos céus, mas também na terra. Os anjos já revelaram aos discípulos no dia da ascensão: Este Cristo vai voltar como subiu;

E o livro de Apocalipse disse: Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá, até quantos os transpassaram. Até aqueles soldados que viviam na época de Jesus. Eles também o verão, porque todos os mortos serão ressuscitados. Uns para a vida eterna e outros para vergonha e horror eterno (Daniel 12,2); todo olho o verá: O primogênito dos mortos é o Soberano dos reis da terra! O Cristo Jesus!

Glorificado seja o nome dele.
Ele merece toda honra e toda glória!
Ele merece a nossa adoração!
Ele merece esse culto!
A Ele pertence o nosso coração! Amem

 

___________________________________________________________________________________________________

* Exceto onde o contrário esteja explícito, todos os conteúdos deste site estão licenciados sob uma Licença Creative Commons “Atribuição – Não Comercial – Sem Derivados 3.0 Não Adaptada“.

** Este sermão foi originalmente escrito para uso do pastor e não passou por correção ortográfica ou gramatical.

*** Encontre mais sermões do Pr. Abram de Graaf em: bramdegraaf.com

Compartilhe!

Pr. Abram de Graaf

O pastor Abram de Graaf é “Doctorandus” (Drs) em Teologia e um dos professores do Instituto João Calvino (Aldeia, Camaragibe-PE). Ele é pastor da Igreja Reformada de Hamilton, Canadá, enviado como missionário às Igrejas Reformadas do Brasil, desde o ano 2000. É Diretor do Projeto Dordt-Brasil. Ele mora em Maceió e também desenvolve projetos nessa cidade.

Leave a Comment